Almaria

Edifício da CorteEdifício da Corte Edifício da CorteEdifício da Corte

Reserve Online
Scroll

Dom Afonso Henriques

(1109 - 1185)

Afonso I, também chamado de D. Afonso Henriques e apelidado de "o Conquistador foi o primeiro Rei de Portugal de 1139 a 1185 data da sua morte. Era filho de Henrique, Conde de Portucale e sua esposa Teresa de Leão, que serviu como sua regente desde 1112 até 1126.

Dom Afonso Henriques, nasce em Coimbra e morre em 1185 na Galiza, tendo sido criado por Soeiro Mendes de Sousa e sua mulher no Condado Portucalense onde obteve uma educação nobre no aspeto político. É em 1120 e conjunto com Dom Paio, Arcebispo de Braga que D. Afonso Henriques assume uma posição política contrária à de sua mãe.

No ano de 1122 torna-se cavaleiro na Catedral de Zamora, regressando assim ao Condado Portucalense em 1128 onde se defronta e vence as hostes de Fernão Peres de Trava na Batalha de São Mamede acabando por assumir o governo do condado Portucalense, com o objetivo de conquistar a sua independência. D. Afonso Henriques define uma política baseada na defesa do condado contra Leão e Castela a norte e Leste e contra os Mouros a sul.Afonso Henriques inicia as negociações com a Santa Sé com o objetivo de conseguir ver reconhecida a independência do seu reino com a finalidade de garantir a autonomia plena da Igreja Portuguesa.

É em 1131 que Dom Afonso Henriques funda o Mosteiro de Santa Cruz em Coimbra como também manda construir diversos castelos, destacando-se o Castelo de Leiria construído em 1135 pelo facto de ter sido um dos pontos estratégicos para o desenvolvimento da reconquista.

Em 1139 vence a Batalha de Ourique contra os Mouros, altura em que passa a intitular-se de Rei.

Em 1147, Dom Afonso Henriques conquista a Cidade de Santarém e Lisboa.

Em 1162 Dom Afonso Henriques conquista Évora e Beja e é apenas em 1179 com a Bula Manifesto Probatório do Papa Alexandre III que D. Afonso Henriques é designado e reconhecido como Rei.

Aquando da sua morte em 1185 D. Afonso Henriques entrega a seu filho Dom Sancho I um território perfeitamente definido e independente.

scroll
os nossos edificios

Este site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação e fornecer o melhor serviço possível. Continuando a navegar no site, aceita o seu uso.

Ver mais
Ok